domingo, 5 de julho de 2015

Um piquenique de aniversário no domingo

Feliz é o domingo nublado e frio que a gente acorda e sabe que pode continuar por mais algum tempo na cama quentinha. Sem culpa! Como hoje. 

Feliz também é o domingo que o sol está radiante e você marcou um piquenique com as pessoas que mais ama e tudo dá certo. Como na semana passada. 


Jardim da Sala Cinemateca em São Paulo




Você já participou de um piquenique? É uma delícia! Eu gosto muito, acho um charme. 

No domingo passado, durante o dia todo teve sol e um friozinho bom, bem agradável.


Minha mãe!
A sombra das árvores, uma toalha xadrez, uns cuidadinhos para deixar tudo bonitinho e confortável, comidinhas gostosas e, claro, amigos muito queridos por chegar. Desta vez, até a minha mãe veio. Não é demais?    

Para um bom piquenique, alguns itens são necessários e sempre dá pra adaptar, caso esqueça alguma coisa. Por exemplo: toalha, se substitui por canga, pratos por guardanapos, faca por canivete. 





No meu caso, preparei um piquenique de aniversário, quase nada foi improvisado. Verifiquei o lugar com antecedência, assim como convoquei os amigos e tive confirmações de quem iria, preparei toalhas, pratos, copos, talheres, guardanapos e algumas comidinhas que me pareciam fáceis e agradáveis para quem chegasse. As bebidas também são muito importantes, às vezes, até mais que as comidas. Tivemos vinhos, chás, refrigerantes e água.

Apesar da minha organização que contou com a indispensável ajuda do Silas, o formato que adotamos foi bem comunitário. O combinado é que todo mundo levaria alguma coisa pra comer ou beber. O piquenique, neste caso, é uma festa bem participativa. É muito gostoso porque dá pra experimentar sabores e texturas bem diferentes numa mesma refeição, que por sinal, dura muitas horas. O nosso piquenique começou às 11 horas da manhã e terminou às seis da tarde, já com a lua bela no céu nos dando boa noite. Sucesso total! 

Uma ideia que deu muito certo no piquenique foi a de fazer chás frios em lugar de refrigerantes. Algo mais saudável, diferente e sustentável. Fiz chás de calêndula com menta, capim limão e de hibisco. Um cuidado importante é que sempre há pessoas que não consomem açúcar, o que me levou a fazer versões adoçadas também com adoçantes. 

Coloquei os chás em garrafas plásticas do tipo PET, o que facilitou em não ter que trazer tudo de volta pra casa. O descarte de material é sempre algo a ser pensado, portanto, um item indispensável nesse tipo de evento é o saco de lixo. Se for possível, fazer a separação dos resíduos antes de descartá-los é um ótima ideia. 

Uma dica pra quem vai a um encontro desses é sobre o que não levar: ovos, cremes, maionese, limão, ou seja, itens que podem estragar ou causar queimaduras, como é o caso do limão ou outras frutas muito ácidas na ação do sol. 

Bom mesmo é levar sanduíches prontos, bolos, frutas, pães, tortas. Como era meu aniversário, fiz também brigadeiros e beijinhos, preparei vidrinhos com castanhas e frutas secas, sanduichinhos naturebas, terrine de abobrinha e uma torta de coco.  








Os amigos trouxeram comidas deliciosas e ainda ganhei lindos presentes.



A semana passada foi muito atípica, aconteceu tanta coisa... 

Como só conto as boas (que é o que vale a pena saber porque a vida tem que ser boa), na segunda, 29 de junho, dia de São Pedro,  foi meu aniversário. Começando a comemoração rolou o piquenique no domingo, 28. No dia seguinte, viajamos, Silas e eu, para um lugar muito especial, que chamamos paraíso. Fica em São Francisco Xavier, a pousada Villa Vittoria. Se tiver chance um dia desses, vá. É muito especial e infinitamente romântica!





Essa semana aprendi ou relembrei algo muito importante: por pior que tenham agido com você, nunca se deixe contaminar. Às vezes, é só esse o propósito de quem o feriu, mesmo que inconscientemente. Mas, ninguém pode ser capaz de estragar a sua felicidade porque ela está em você! 

Desejo uma semana cheia de alegria, com amor e sem rancor, que é o que contamina a vida da gente. 

Um grande abraço! 



>>> Conhece o projeto Lá em casa pra jantar

Nenhum comentário:

Postar um comentário